quarta-feira, 30 de setembro de 2009

A VOLTA DO SOM DA MATA

Depois de 11 meses de recesso, com apenas 2 apresentações nesse meio tempo (Diogo Guanabara & Macaxeira Jazz na Semana do Meio Ambiente e Lola & BZ4 há 2 semanas), volta com força o projeto Som da Mata no Anfiteatro Pau-brasil, Parque da Dunas, apresentando sempre o melhor da música instrumental potiguar nos finais de tarde de domingo.

Para coroar esse retorno, nada melhor que o Café do Vento, quarteto criado em 2002 que inventa instrumentos musicais e apropriam-se de objetos do cotidiano aliados ao violino, bandolim, flauta, violão, marimbal e percussão para fazer uma música atípica, com personalidade, diferente de tudo que existe no mercado.Provenientes de distintas escolas musicais, os compositoresRoderick Fonseca (violino, viola, bandolinm marimbal e flautas) eMazinho Vianna (violão, gaita e contrabaixo) criam um conjunto de sons aliados aos arranjos percussivos de Sami Tarik e Kleber Moreira, quando ações cênicas misturam-se à execução instrumental da banda. No repertório, além de composições próprias, reinventam os clássicos Vivaldi e Ravel, acrescentando-lhes características dos folguedos populares. Em fase de preparação de um novo CD a ser lançado próximo ano, o Café do Vento, com certeza, vai repetir o sucesso de suas apresentações anteriores no palco do Som da Mata.

Show: CAFÉ DO VENTO
Local: Anfiteatro Pau-brasil - Parque das Dunas
Dia: 04 de outubro - domingo
Hora: 16h30
Preço: R$ 1,00 (um real)
Fone: 3201-4440
Contato para mais informações e/ou agendamento de entrevistas:
9925 1011

Nenhum comentário:

Postar um comentário