quarta-feira, 15 de junho de 2011

Culto do Paraíso Terrestre de 2011: Palestra do Reverendo Hidenari Hayashi

Minhas congratulações a todos, pela participação nesse maravilhoso Culto do Paraíso Terrestre. Há exatamente 80 anos, na madrugada do dia 15 de junho de 1931, Meishu-Sama, no alto do Monte Nokoguiri, recebeu a revelação de que estava se iniciando no mundo espiritual a Nova Era de Luz. Ele deu a este fenômeno o nome de Transição da Era da Noite para a Era do Dia. Ou seja, desde esse dia, o mundo vem mudando. Está mudando constantemente, a cada momento. Quer queira, quer não, todas as pessoas que vivem nele, tem que mudar também. Porque a Natureza está evoluindo assim. Por isso que Kyoshu-Sama nos alertou que receber de Meishu-Sama a revelação da transição não significa apenas tomar conhecimento da mudança que ocorre no mundo espiritual... Significa, também que devemos REALIZAR ESTA TRANSIÇÃO DENTRO DE CADA UM DE NÓS. Essa transição interna de cada um, começa com a renovação da nossa atual consciência das coisas, ou seja, conhecer, acreditar e colocar em prática o novo paradigma, o paradigma da Era do Dia que está relacionado a todos os campos da atuação humana. Pode ser que alguém pergunte: Mas qual é esse paradigma? Essa resposta está em todas as orientações de Kyoshu-Sama e explicações do revmo Watanabe. Vou citar alguns pontos: 1. sobre a nossa relação com Deus: todos os seres humanos possuem dentro de si, a partícula divina 2. sobre a nossa relação com os antepassados: nós somos a soma de milhares de antepassados. Eles vivem dentro de nós através do elo espiritual e da informação genética. 3. sobre a purificação: a purificação é uma forma de servir à humanidade. 4. sobre os acontecimentos desfavoráveis, ou seja, os sofrimentos: Do ponto de vista do ser humano, existem coisas que são favoráveis e outras que são desfavoráveis. Mas do ponto de vista de Deus, não existe nada desfavorável. Tudo é favorável para o crescimento, elevação e felicidade do ser humano. 5. sobre a nossa relação com o Messias: o Messias Meishu-Sama está dentro de nós. 6. sobre a noção de Paraíso: o novo Paraíso já está pronto, dentro de nós. Só precisamos externá-lo através de nossas ações. 7. sobre a felicidade: a felicidade não vem de fora para dentro e sim, nasce dentro de cada um. Esses são alguns dos muitos pontos revelados por Meishu-Sama em Seus Ensinamentos, que compõem o paradigma da Era do Dia, que é baseado na Lei “Espírito precede a Matéria” e que reconhece que Deus está no comando de tudo. Para poder assimilar e colocar em prática esses pontos, precisamos estar preparados. Principalmente, no sentido de estar com a mente relaxada, sem preconceitos, sem o medo de abrir mão daquilo que foi ensinado até hoje pela educação materialista, para deixar a orientação da Era do Dia fluir dentro de cada um. Por isso, o treino de eliminação do GÁ é muito importante. Todos os senhores já devem ter tido alguma experiência nesse sentido, de no início, ter alguma resistência em relação a algum ensinamento, mas que, com o tempo, tentando praticar, tentando entender, tentando deixar um pouco de lado aquilo que até então acreditava, e por fim, sentiu a felicidade de confirmar que aquilo é a Verdade que ainda não conhecia. Deve ter sido assim com o Johrei, com o conhecimento sobre os antepassados e o Mundo Espiritual, e com muitos outros pontos relacionados à Filosofia de Mokiti Okada. Essa Verdade ensinada por Meishu-Sama é esse novo paradigma que as pessoas precisam saber, para encontrar o verdadeiro caminho da felicidade. Assim, aquela transição que precisamos fazer dentro nós, começa em conhecer, estudar, compreender, acreditar e pôr em prática essas Verdades que compõem o novo paradigma. Mas, mesmo sabendo, compreendendo e acreditando, nem sempre conseguimos colocar em prática essa Verdade. Foi por isso que nasceram a Prática do Sonen, a Prática do Encaminhamento, Prática do Sonen de Gratidão e o Mecanismo da Salvação. São formas práticas de aplicá-las no nosso cotidiano, independente do local e sem comprometer tempo e recursos. Basta ter essa consciência e a vontade de querer fazer, pois são práticas feitas dentro do próprio sonen. Quando Meishu-Sama alerta que tudo depende do nosso sonen, Ele quer dizer que muitas vezes FAZEMOS as coisas sem dar o devido valor ao SONEN com que se faz. Ou seja, até sabe como fazer, mas faz sem aplicar o que sabe. Por exemplo, todo mundo sabe que caminhar ou fazer algum tipo de exercício, faz bem à saúde. Mas na prática, parece que se esquece disso, e quando sai de casa, mesmo para ir à padaria, vai de carro. Mesmo quando vai subir ou descer, um ou dois andares do prédio, pega o elevador e não vai de escada. Outro exemplo, muitas pessoas sabem que quando se faz a respiração profunda, exercitando o diafragma, a pessoa fica mais calma, tranquila. Mas quem será que faz esse tipo de respiração? Parece que o homem moderno não tem tempo nem para respirar direito... Esses são exemplos práticos que mostram como nós podemos fazer melhor, se treinarmos o nosso sonen, e corrigi-lo se for preciso. Um tema que o nosso presidente nos deixou foi sobre a felicidade. Meishu-Sama nos ensinou que a felicidade baseia-se na eliminação de três fatores principais: doença, pobreza e conflito. Ele explicou também, que a doença, a pobreza e o conflito são formas de purificação das nuvens espirituais que existem em nosso espírito. Por conseguinte, se eliminarmos essas nuvens espirituais, não há necessidade de existir as formas de purificação e assim, obtemos a BASE da felicidade. Mas isso ainda não é a felicidade completa. Meishu-Sama explica isso no seguinte ensinamento: Mesmo com a eliminação do sofrimento, não podemos afirmar que o mal foi cortado pela raiz. Isso porque, se a alma não foi elevada, é impossível estar-se verdadeiramente tranqüilo e seguro. A elevação da alma só poderá ser obtida se a pessoa apreender a correta fé e praticá-la. Esse aprimoramento constitui a prática messiânica. E conclui assim: Para ser feliz, é necessário crer em Deus Absoluto, adorá-Lo, compreender e praticar a Sua Vontade, somar méritos e purificar o espírito de modo que o seu habitat espiritual se eleve ao Céu. Resumindo: O caminho da Felicidade é a eliminação das nuvens espirituais, purificando e recebendo Johrei, somando méritos, servindo à Obra Divina e fazendo a felicidade do próximo. É nesse sentido que o ser humano da Era do Dia deve desenvolver o seu sonen. Retirado de: Messianica.org

Nenhum comentário:

Postar um comentário